A Grande Família

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Abbey Road vazio.jpg A Grande Família já acabou!

E tem idiota fã que acredita que eles voltarão...

Clique aqui pra ver os grupos que non eczisten mais.

TV pós-Globo.

Este artigo é sobre mais um programa de tortura televisiva. Salve-se mudando para o Canal do Boi, ou leia sobre mais essa desgraça da TV.

Seu Flor acordando com a mente fresca
a grande família já foi refilmada no Iraque, Afeganistão e nos Estadus Unidus

Cquote1.png Você quis dizer: Pai de Família? Cquote2.png
Google sobre versão de A Grande Família
Cquote1.png Você quis dizer: Adaptação Brasileira de Uma Família da Pesada Cquote2.png
Google sobre A Grande Família
Cquote1.png Você quis dizer: catuca pai, catuca mãe, catuca filha... Eu também sou da família também quero catucar. Cquote2.png
Google sobre A Grande Família
Cquote1.png Linelllllzinhuuuuuu Cquote2.png
Mendonça Emo sobre Lineu
Cquote1.png Uma Familia do Barulho que vai aprontar uma bagunça da pesada numa aventura que até Deus duvida Cquote2.png
Narrador da Sessão da Tarde sobre A grande Familia
Cquote1.png Mexe Mexe o popozãoo.. Cquote2.png
Bonde do Tigrão sobre Lineu o popozzão
Cquote1.png Pô Barilxza.. Cquote2.png
Pauzão na Regulagem sobre Marilza
Cquote1.png Eu curto o cabelo dele. Cquote2.png
Emo sobre Cabelo do Beiçola
Cquote1.png Ele ainda me deve dinheiro Cquote2.png
ChuckyNóia sobre Agostinho

A Grande Família é uma grande família que se tornou cada vez menor com o passar dos anos. Tudo começou em 1972, com uma série que era uma cópia abrasileirada (ou seja, merda) do seriado americano All in the Family, quando o seriado teve seu remake em 2001, um dos filhos, o Júnior, não foi adaptado, fazendo com que Lineu e Nenê tenham apenas um filho e uma filha. E, como todos sabem, o velho da família morre em 2003, fazendo com que essa grande família já não fosse mais tão grande. Claro que depois Agostinho e Bebel tiveram um filho, mas ninguém se importa com esse pirralho.

A premissa de A Grande Família era, obviamente, ser a verdadeira sitcom brasileira, com uma família brasileira morando em uma cidade brasileira e enfrentando problemas típicos brasileiros (como a pobreza, o calor, o governo corrupto e a crise frequente de cheiramento de gatinhos). Era um diferencial na programação da Globo porque, enquanto todas as novelas mostravam famílias ricas enfrentando problemas fúteis, no final de toda quinta-feira você tinha uma família simples enfrentando, com humor, os problemas que todo brasileiro fodido sem expectativa na vida sofre cotidianamente.

Assim como Os Simpsons, a série se tornou um daqueles programas que nunca acabam, só que acabou acabando, em 2014, pois os atores já não aguentavam mais fazer os mesmos personagens - e agora terão de aceitar serem relacionados com os personagens pelo resto da vida. Não adianta o Marco Nanini sair do armário, ele sempre será o patriarca certinho que sustenta com muito suor uma família doida. Não adianta o Pedro Cardoso querer pagar de intelectual, ele sempre será aquele sem vergonha trambiqueiro que fala tudo errado e vive nas costas do genro. Não adianta o Lúcio Mauro Filho correr atrás de serviço agora, sempre será um vagabundo sustentado pelos pais.

Personagens[editar]

Lineu dando uma de Mc Créu na velocidade 2.
Agostinho irritando o Beiçola antes de bater seu carro.
Bebel trabalhando em seu segundo emprego.
  • Seu Frô: Seu frô era um maconheiro velho patriarca supremo da grande família que morreu de overdose na década de 10
  • Tuco: Um cara que faz parte do VASP (Vadios Anonimos Sustentados pelos Pais), e é fundador do Nadismo, e que se diz DJ mas só faz o estilo malandro pra pega "algumas" gatas, na verdade ele foi abusado sexualmente no Acre por isso tem os olhos tão grandes! E já participou do BBB.
  • Bebel:Do tipo santa, mas é uma ninfomaniaca que realiza todo tipo de fantasia sexual com seu parceiro Agostinho! Como seu marido é um vagabundo que não traz dinheiro pra casa, Bebel precisa se virar para honrar seus compromissos. Para tanto resolveu secretamente seguir os passos de sua xará da novela e se tornar uma mulher de catiguria. Durante o trabalho, um de seus clientes acidentalmente a engravidou. Isso explica o fato de ela ter ficado grávida mesmo após os médicos terem declarado que seu marido Agostinho era estéril.
  • Lineu: Eis a grande questão talvez a maior de todos os tempos... Quem comeu matou Lineu? Na verdade caro computeiro internauta Lineu nunca morreu e nem vai morrer ele é do tipo homem certinho que mantém habitos saudaveis e não é do tipo corrupto, por isso ele é o unico cara do mundo que tem um chefe que puxa seu saco. Duvida? Assista um episódio pra você ver!
  • Mendonça:Campista do tipo velho cabaço, aquele velho tarado que sente um fogo pela Marilza mas não ta com nada, da uma de garotão e tals mas na verdade é um tio careca que não sabe de nada! Na verdade ele é um que era o rei da brilhantina, irmão mais velho do Erasmo Carlos e ex-amante da Dercy!!!
  • Marilda:Essa sim, sente um fogo na rebimboca que só ela, o Mendonça faz tudo pra se aparecer despertar seus encantos mas quem ela gosta mesmo é do Pauzão na Regulagem...
  • Pauzão Paulão da Regulagem: O fanho mais pegador, ja jogou no Vasco e fazia bicos de pintor, alias ele da umas pintada que só ele, atualmente trabalha em sua oficina e faz videos pornô com Marilda!
  • Nenê:Foi abusada sexualmente por Beiçola, dizem as más línguas que Marilda é sua irmã e Bebéu é filha do Beiçola! É oque dizem!
  • Agostinho: Um taxista narutard metido a pagodeiro que só faz merda e deve dinheiro pra todo mundo e ainda por cima faz com que as pessoas fiquem ainda mais putas da vida com ele! Ele só leva estudantes vagabundos em seu táxi fudido másculo e diz que ama Bebel e nunca vai traí-la. (é obvio, ele já traiu ela).
  • Florianinho: Mais novo rebento da família, filho de Bebel e Agostinho (já percebe-se que não vai sair coisa boa). O moleque nunca deu as caras e de repente já aparece com 11 anos. Cópia do pai, além de ser chato para cacete. Também conhecido como Satanás Júnior ou Bart Simpson brasileiro. Não vale o que gato enterra.

Ver também[editar]