Monk (Everybody hates Chris)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
250px-Wario WWare.gif Este artigo é sobre um personagem secundário!

Quase ninguém sabe da existência deste zé ruela que só serve pra encher linguiça na trama e provavelmente está morto. Se bobear, nem no Google tá!

Clique aqui para ver gente que só fãs alienados conhecem.

Cquote1.png Você quis dizer: Rambo do gueto Cquote2.png
Google sobre Monk (Everybody hates Chris)
Cquote1.png Fecharemos às 1.900 horas, então continue trabalhando Cquote2.png
Monk sobre Chris Rock
Cquote1.png 1.900 horas? Cquote2.png
Chris Rock sobre publicação acima
Cquote1.png 7 DA NOITE, GURI, SEUS PAIS NÃO LHE ENSINARAM? Cquote2.png
Monk sobre pergunta do Chris
Cquote1.png Preciso de munição pra minha Bazuca. Cquote2.png
Monk sobre pedir dinheiro para Julius

Monk é um personagem de Arnold Todo Mundo Odeia o Chris, e ele é um ex-guerrilheiro das Farc e do exército norte-americano que esteve na Guerra do Vietnã e na Favela da Rocinha.

Monk, quando criança e hoje como Willis Jackson

História de guerra[editar]

Ele aos 19 anos pediu ao pai, Sr. Drummond a morar com seu tio Doc no Harlem. Mas um grupo de bandidos entrou em sua casa para roubar e matar eles, então Monk, que seu verdadeiro nome é Willis Jackson pegou uma arma e matou o grupo de 30 ladrões armados com bombas. Levou uma medalha de ouro e pediu ao Presidente Richard Nixon a entrada para o Exército americano. Ao entrar, soltou a voz do rap com seu amigo Scoop Smith Snopp Dogg.

Visita de Bush ao exército com Snoop, Bush e Monk

A ida a Bed-Stuy[editar]

Após 3 anos fora do país, ele se mudou para Bed-Stuy e com seu tio Doc, abriu um Carrefour aos 30 anos, mas após Tonya nascer, Julius teve que roubar a loja e vender os produtos para o Tio Michael e o Julius sustentar a família.

Assim, teve esquizofrenia e o mercado se transformou em um mercadinho pobre. Sempre usa armas e suas lembranças da guerra são sempre ditas quando sente que algo é suspeito de espionagem.